quarta-feira, 11 de abril de 2018

Extinction - Explicando porque larguei o jogo


  O jogo tinha uma ideia muito boa: basicamente misturar Shadow of Colossus com uma pegada bem mais rápida, diria um Prince of Persia. O que me incomodou muito foi a repetição de coisas chatas a se fazer e não focar no que realmente importa e é legal: matar gigantes.

  Somos um pseudo Sentinela, o último, vale lembrar, que é responsável em cuidar da horda de Orcs (?) que aparecem via portais.


  O objetivo do jogo é basicamente cuidar da horda dos Orcs que aparece na cidade e ao mesmo tempo salvar as pessoas. Tudo ao mesmo tempo e só você que faz isso. Isso que me irritou. O lance é que o cara acaba sendo obrigado a salvar as pessoas, porque ao salvar elas aumenta uma barra de "super" que é usada para matar os Orcs gigantes. Só que o que me irritou mais ainda é que a porra das pessoas ficam PARADAS enquanto os Orcs atacam elas. PORRA, foge desgraça, e com elas paradas as chances de morrerem é bem grandes.

  A gota dágua foi quando cheguei em uma fase que eu, sozinho, tinha que cuidar de dois gigantes enquanto salvava as pessoas e também tinha que evitar da cidade ser destruída. O lance é que o mais divertido é matar os gigantes, só que pra matar eles é preciso salvar as pessoas pra conseguir encher a barra pra matar eles. Só que essas pessoas desgraçadas ficam PARADAS enquanto os Orcs pequenos matam elas, porra. Logo, tem que ter muita sorte dos Orcs não chegarem perto delas porque morrem muito rápido. 

  O que me irritou demais foi ser obrigado a salvar as pessoas, porque o mais divertido é montar nos gigantes e matar eles. Mas depender das pessoas para matar eles é ruim demais caras, porque a chance delas morrerem é muito grande, porque as tansas não se mexem, ficam paradas pra morrer. 


  Mas enfim, acredito que tenha sido uma escolha infeliz de game design ter feito elas ficarem paradas, porque acaba deixando o jogo muito repetitivo depender delas para matar os gigantes.


quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Méliuz: Ganhe descontos em compras e uma parte do dinheiro de volta!


  Sempre tento me inteirar nas formas de ganhar dinheiro pela internet, na medida do possível, é claro. Só que se tratando de cashback eu sempre deixei passar, por algum motivo, talvez pelo motivo de ganhar algo somente quando comprar (já que antes eu nem comprava muitas coisas online). Só que ultimamente comprar online tem sido muito mais barato que antes em vários aspectos e produtos, então ganhar uma grana de volta sempre que comprar algo é muito bom (e descontos mais ainda!).

  E é assim que o Méliuz funciona:
  • Use o Méliuz para achar descontos em sites (por exemplo Mercado Livre e Aliexpress);
  • Alguns sites tem opção de ganhar dinheiro de volta nas compras e outros não;
  • Entre no site de compras desejado usando o Méliuz;
  • Compre e espere o pessoal da Méliuz fazer todo o trabalho de mandar uma parte da grana de volta para você;
  • Sua grana fica lá no Méliuz e quando atingir no mínimo R$20,00 você pode mandar para sua conta bancária;
  • Se registrando nesse link você ganha R$10,00 lá no Méliuz e já me ajuda!
  Méliuz é algo tão simples que acaba se tornando essencial para quem faz compras online. Pode ser que compras de vez em quando não rendam tanto, mas ao deixar acumulando pode ser que futuramente a grana que voltou renda outros produtos legais para compras futuras e assim o ciclo continua.

  Adicione nos seus favoritos e sempre lembre do Méliuz toda vez que fizer alguma compra online!

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Jogatina Time Recoil


Time Recoil é um jogo de tiro isométrico com elementos de slow motion! Atravesse paredes com tiros e dashs! Vejas as balas dos seus inimigos passarem por você e salve o mundo de um cientista ditador!

  As jogatinas acontecem em live todos os dias a partir das 20hrs. Geralmente depois de eu jogar mando tudo para o Youtube no dia seguinte.


sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Lista de Bots para Lives na Twitch (ChatBots)


  Bots para Twitch servem para facilitar a vida do Streamer e até fornecer algumas funcionalidades a mais no chat para quem está assistindo. Por exemplo, você pode configurar seu bot para mandar a cada 5 mensagens que aparece no chat, o link da sua rede social ou alguma informação que seja importante. Até programar que ele seja um nazi bot que não deixe o pessoal spammar no chat ou mandar links.

  E, antes de iniciar de jeito o post, para quem não viu eu fiz também uma postagem listando todos os programas para fazer stream, vale a pena dar uma olhada.

Qual bot usar?

  Quer um bot somente para moderar seu chat e mandar algo como suas redes sociais de vez em quando? Recomendo o Nightbot. Mas se quiser algo mais elaborado como sistema de dinheiro virtual em seu chat, mini games, songrequest e comandos personalizados, recomendo o Streamlabs ChatBot
  Não sabe ainda o que quer? Bem, continue no post e veja se algum lhe agrada.

  Abaixo listarei os Bots mais conhecidos e farei comentários sobre os que já usei. Os que não tiverem comentários é porque não usei só que mesmo assim merecem estar na lista por causa da recomendação de outros.

Nightbot
Acredito que seja o mais prático e fácil de configurar, contém as funções básicas de Comandos, Timers e opções de Moderação. Usei ele por muito tempo enquanto precisava somente dessas coisas básicas.

StreamLabs ChatBot (antigo Ankhbot)
O que eu uso atualmente e não me arrependo. Sua configuração é um pouco mais difícil do que o Nightbot (que eu usava antes) e precisa rodar localmente direto do PC sempre que for usado. Tem todas opções listadas do Nightbot e também SongRequest, custom commands personalizados e muito mais. Recomendo muito se você quiser um Bot customizável e completo.

Moobot
Usei ele por um bom tempo também em paralelo com o Nightbot, mas na real não vi nada demais. Tem bastante opções mas também tem o lance de ter algumas funções para quem paga, então acaba não sendo tão completo assim.

OhBot
Sem descrição ainda.

Deepbot
Parece ser um bot pago mas que te dá a opção de testar antes de pagar. Já vi muitos streamers usando esse bot e parece bem completo.

VivBot
Aparenta ser um bot bastante customizável e pelo que vi ele manda até mensagens para você via chat do League of Legends. 

Wizebot
Parece ser parecido com o Moobot se tratando de pagar para liberar novas funcionalidades. Uma das suas vantagens é que é fácil de conectar ele a esses sites de overlays, ou seja, é mais fácil configurar ele pra aparecer seguidores recentes na tela, por exemplo.

Coebot
Tudo indica que ainda é um bot em estágio inicial por seu painel ainda não estar pronto, mas já tem algumas funcionalidades de comandos e custom comandos para serem usadas.

PhantomBot
Um bot que acaba sendo deixado de lado por ser muito difícil de controlar, mas suas funcionalidades acabam compensando. Tirando que existem várias versões diferentes, para quem quer testar novas funcionalidades ou até pra quem quer versão mais estável.

XanBot
Um bot mais focado em comandos de moderação, ou seja, que previne antispam, por exemplo. Tirando que tem algumas funções legais para oferecer.

hnlBot
Bot que atualmente não tem muitas funcionalidades mas o que se destaca é o seu cliente e o log de banimentos que é muito detalhado. Já no seu cliente dá para se conectar a vários chats de lives diferentes e até mandar convites de amizades via twitch, é como se fosse uma versão cliente da twitch compacto. Ainda está em beta.

____________

Essa lista pode ser constantemente atualizada e/ou modificada com novas informações. Adicione a mesma nos seus favoritos!

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Lista de programas para fazer Stream


  O streaming de jogos cresceu muito nos últimos tempos, e aqui no Brasil não é diferente. Entre hoje na Twitch na categoria League of Legends e comece listando quem tem pouca gente assistindo, vai ter que passar por muitas streams até chegar em gente que já tem 100 pessoas. Isso acontece pelo fato de fazer stream atrai cada vez mais pessoas, seja pelo fato de tentar seguir carreira com isso, simplesmente para se divertir ou registrar seus momentos jogando.

  Hoje em dia com os avanços dos hardware os PC's medianos estão melhores do que antigamente, então fazer stream de jogos não é algo de outro mundo. Digo isso porque fazer stream puxa bastante do PC, por exemplo, quanto melhor você queira a qualidade da sua stream, mais do seu PC vai exigir. Não vamos entrar em dados técnicos nessa postagem relacionado a configurações, somente falaremos dos programas em si. 

  E antes de começar a lista, relembrando que fiz uma lista de Bots para chats na Twitch que podem ser uma mão na roda para os Streamers.



Lista de programas

  Essa lista não é para servir como um comparativo de qual é o melhor ou não, estarei listando todos e comentando de acordo com a experiência que tive com cada programa. Se algum programa não estiver com comentários é porque não testei ele ainda mas por algum motivo merece estar aqui. Se estiver com dúvidas, simplesmente teste todos e tire suas próprias conclusões, esse é o foco dessa lista.

Open Broadcaster (OBS Studio)
Para mim de longe é a melhor opção no momento devido a ser grátis e suprir todas minhas necessidades. Dou foco para o editor de áudio que deixa eu adicionar vários filtros em minha voz a fim de deixar ela melhor (redutor de ruídos e ganho de voz). Também tem muitas opções de configuração geral. É um dos programas mais completos.

XSplit
Usei esse programa quando comecei a fazer Stream por achar, naquela época, o OBS muito complicado. Um dos "defeitos" dele é que é pago, mas seu visual é bem intuitivo (ainda bem mais que o OBS). Configurar os efeitos visuais de sua stream é muito melhor por ele e suas configurações são mais resumidas e nem por isso deixam de ser completas. Pra mim o que fez largar ele foi a falta de edição de áudio que citei acima na descrição do OBS.

Bebo
Conheci esse programa por acaso na internet e acabei gostando bastante. A função dele é simplesmente a praticidade de fazer stream para quem não entende de dados técnicos de configuração. Lá você seleciona o jogo e o programa faz todo o resto pra você, até inclusive tem umas funções de overlay prontas de stream embutido no próprio programa. Para quem está começando é uma ótimo pedida.

GameShow
Não testei mas é recomendado pela Twitch.


VMix
Não testei mas é recomendado pela Twitch.

Wirecast
Não testei mas é recomendado pela Twitch.

Assim que eu for descobrindo outros programas ou até testando os que não usei e estão nessa postagem, vou atualizando. 

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola - E fazer os "corretos" pirarem


  Acompanhei o desenvolvimento desse filme de perto desde que Danilo começou a divulgar nas redes sociais, o mesmo colocando a mão no fogo afirmando que "não seria mais um filme brasileiro chato". Digo "filme br chato" porque cá entre nós, somente Tropa de Elite que fugiu do padrão comédia pastelão que aparecem filmes brasileiros (parecendo editado por alguém que edita novela da globo). Cito mais minha birra com filmes brasileiros abaixo.

  O fato é que, como podem esperar e eu já esperava isso, o filme é recheado de humor nada correto e tudo que os corretos de plantão não querem que apareça em um filme. Deixando um parênteses aqui: usar windows pirata pode; rir de piadas de português pode; deixar o filho jogar GTA e Bully pode; mas zoar ou mostrar os estudantes zoar uma escola não pode. E claro que não citei a "arte moderna" que fazem até crianças mexerem em caras pelados, isso pode também. Mas usar algo fictício para mostrar o que se passa em uma escola fictícia não pode, assim temos que partir para o correto até mesmo em uma crítica


  Confesso que tive que partir para o pessoal já no começo do texto. Odeio quando as pessoas ficam putas com a porra de um filme de comédia que se passa na escola mas não ficam putas com o que realmente importa. E voltando para o filme: é muito bom, claro que se você não for fresco ou com humor chato, dai é bom nem mesmo assistir. 

  O filme mostra bullying, abuso, palavrões e tudo de não correto de uma forma engraçada, tudo isso em uma edição rápida que foge do padrão Globo ou Record de edição. As transições são bem criativas e muitas vezes são usadas para o avanço da narrativa, não tornando nada chato e até dá um gás no desenvolvimento do filme. Danilo realmente entregou aquilo que prometeu: um filme que não se enquadra nas produções brasileiras e é isso que precisamos. 

  Não acompanho o mercado indie de filmes brasileiros e vejo só o que sai na mídia. Erro meu? Talvez, mas também pode ser erro das desenvolvedoras grandes de não apostarem em coisas diferentes. Ainda bato na tecla que todos os filmes grandes brasileiros que lançam seguem o modelo Globo e quando são comédias é padrão Zorra Total (o que é muito ruim, muito mesmo), então mesmo sendo um filme que não foi feito para todos, Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola acaba surpreendendo por sua boa produção.

  O que me incomodou é que muitas vezes os personagens (em destaque os dois meninos principais) não pareciam estar no papel (ou até fora dele). Por exemplo, havia vezes que eles estavam mais soltos e em outras pareciam uns robôzinhos com suas falas, acredito que isso se dá ao fato de não terem muita experiência atuando ou algo assim, não sou ator pra falar, mas acabei notando isso. E o que notei é que os palavrões se encaixam muito bem, puta merda, acho que é porque todos nós brasileiros falamos e estamos acostumados a ouvir, então ouvir em filmes fica mais natural.


  A atuação do querido diretor da escola está muito boa e é uma das melhores coisas do filme, sem dúvidas. E eu nem tinha me ligado que o senhor era nada mais, nada menos, do que o Kiko do Chaves (não sei se é assim que escreve o nome dele), ele ficou muito diferente!

  Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola é um puta filme bom e certamente não é para todos, se você deixa seu filho jogar GTA, sair xingando os amiguinhos nos jogos online e ficar puto pelo seu filho assistir esse filme, reveja seus conceitos meu filho, seu filho assistir algo e querer fazer o que viu não vai acontecer (a não ser que ele seja retardado ou tenha 8 anos, mas aí é questão de você cuidar dele).

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Jogatina: Harvest Moon - Light of Hope


O novo título da famosa franquia Harvest Moon é lançado em comemoração aos 20 anos da franquia. Paramos em uma ilha depois de uma tempestade e resolvemos ficar nela. Com isso adquirimos uma fazenda e tentamos reconstruir o vilarejo e a ilha a fim de trazer o pessoal de volta. Um jogo que divide muitos já que tem como sombra Stardew Valley.

Jogatinas acontecem em live e os episódios são mandados no dia seguinte (ou um pouco depois) para o Youtube. Saem dois episódios por dia.


Extras


Stardew Valley (PS4 - XBOX - PC) (uma ótima opção para um jogo recente de "fazenda")